Buscar
  • Biotech laboratório

A importância da antibioticoterapia eficaz

Você vai passar por um procedimento cirúrgico e vai precisar usar antibióticos? O detalhe nesse tipo de tratamento é que nem todos esses medicamentos são eficazes. Você pode estar destruindo uma bactéria fraca e alimento uma bactéria forte, tornando-a multirresistente. Quem explica pra gente essa questão é o Prof. Dr. Marconi Maciel, cirurgião bucomaxilofacial, da VitaFace.




FOTO: Reprodução -


Qual a importância da Antibioticoterapia ?


Dr. Marconi Maciel: No nosso histórico de exames já realizados, sempre em parceria com laboratórios especializados em microbiologia oral , nós conseguimos já detectar inúmeros microorganismos patológicos e podemos combater de forma adequada cada caso com uso correto e criterioso do antibiótico, sendo feito na verdade o combate adequado, minimizando custos com paciente , e sobretudo , minimizando tempo de tratamento e otimizando nossos resultados . Portanto , a nossa retrospectiva mostra que o caminho certo é, justamente, cada vez mais estudar e combater o microorganismo patológico da cavidade bucal de forma preventiva , fazendo com que os resultados sejam otimizados e melhorando a qualidade de vida do paciente que é a qualidade do tratamento que oferecemos .

Vitaface e Biotech alinharam-se para fazer juntos um trabalho diferenciado em Caruaru para nossos pacientes . Aliando procedimento cirúrgico indicado ao exame microbiológico de alta qualidade . Procedimento seguro, correto e com sucesso de tratamento.


E o que pode tornar a antibioticoterapia eficaz?


Dr. Marconi Maciel: Coisas que nós já viemos fazendo há um bom tempo- e de forma pioneira- é a solicitação de exames microbiológicos pré-cirúrgicos . Aqueles que vão detectar de forma simples e rápida Se e Quais microorganismos presentes na cavidade bucal de cada pessoa, previamente a uma intervenção cirúrgica. Sabemos que , as intervenções cirúrgicas , por minimamente invasivas que sejam, rompem uma das barreiras de imunidade que nós temos que é a integridade de mucosas e, obviamente, quando essa barreira é rompida, os microorganismos - caso sejam patogênicos- podem adentrar dentro dos tecidos e colonizar estes tecidos causando grandes infecções . Portanto , pra evitar isso , nós precisamos saber quais os microorganismos presentes na cavidade bucal de cada pessoa, potencialmente patológicos. E combatê-los de forma adequada com uso correto e criterioso de antibióticos.

A cavidade bucal, que é uma das cavidades mais propícias ao desenvolvimento de microorganismos , por ser uma cavidade úmida , de difícil acesso pra limpeza em alguns locais, e , sobretudo também, pela passagem de alimento é o local ideal de proliferação e desenvolvimento de microorganismos. Alguns desses microorganismos extremamente patológicos. Portanto, o conhecimento e o estudo da microbiologia oral e sobretudo aplicado aos seus procedimentos faz uma grandiosíssima diferença nos resultados. E , portanto, é uma coisa que nós estamos investindo há um bom tempo no estudo e na detecção de microorganismos previamente aos nossos procedimentos , visando uma melhor qualidade aos nossos resultados e, sobretudo, a resolução do problema ao paciente sem comorbidades, como as infecções odontogênicas , por exemplo.


O que acontece quando usamos um antibiótico incorreto?


Dr. Marconi Maciel: O que acontece, muitas vezes, quando você usa um antibiótico incorreto ou na dose incorreta ou com tempo incorreto, é um processo que nós chamamos de pressão seletiva . Basicamente é fazer com que mate as bactérias fracas e deixe mais fortes as bactérias mais resistentes . Isso faz com que, em um primeiro momento, aquele antibiótico que você acha que eu está fazendo efeito por estar "matando " as bactérias mais fracas, em um segundo momento , não fará mais efeito , porque já deixou resistente aquelas bactérias que já estavam naquele sítio , naquele local que você queria tratar e agora estão mais resistentes e, consequentemente, não serão destruídas pelo uso do antibiótico na mesma dose .

Esse problema das bactérias multirresistentes é grandiosíssimo . Hoje em dia, elas adquirem essa resistência bacteriana muito pelo uso indevido dos antibióticos , os antimicrobianos ,e uso indiscriminado dessa classe de fármacos . Muito cuidado com o uso inadequado dos antibióticos! Eles podem, além de não ajudar no seu tratamento, fazer muito mal à saúde, criando superbactérias que, muitas vezes, são indestrutíveis a todas as classes de antibióticos conhecidas .




Mais sobre Dr. Marconi Maciel - Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial Implantes Dentários


– Especialista em Morfologia em 2002 (Universidade Federal de Pernambuco – UFPE)

– Especialista em Cirurgia e Traumatologia BucoMaxiloFacial em 2005 (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS)

– Mestrado em Odontologia na área de concentração em Cirurgia e Traumatologia BucoMaxiloFacial em 2006 (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS)

– Doutorado em Odontologia na área de concentração em Cirurgia e Traumatologia BucoMaxiloFacial em 2010 (Universidade de Pernambuco – UPE)

– Pós-doutorado em Odontologia na área de concentração em Cirurgia e Traumatologia BucoMaxiloFacial em 2015 (Universidade de Pernambuco – UPE)

O Dr Marconi Maciel tem experiência na área de Cirurgia Bucomaxilofacial, atuando principalmente nos seguintes temas: cirurgia bucal, implantes dentários e enxertos, deformidades dentofaciais (cirurgia ortognática), traumatologia bucomaxilofacial, patologia cirúrgica e prevenção do câncer bucal.

Atualmente é professor adjunto da Faculdade ASCES e professor assistente da Universidade de Pernambuco (UPE) – campus Arcoverde; professor de cursos de diversos cursos de Pós-graduação.


20 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
  • Google Places - Círculo preto
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

© 2017 por Biotech Soluções Inteligentes. Criado orgulhosamente com Wix.com